Blog Desenvolvimento Pessoal

Pare de reclamar do seu trabalho.

Iran Melo

É cada vez mais frequente se ouvir ou presenciar queixas dos empregados acerca de seu trabalho. Talvez seja o momento de parar e refletir sobre a realidade atual que vive nosso país, com uma economia cambaleante, impostos em alta, saúde e segurança precárias e recursos naturais como a água e energia em escassez como nunca visto. Tudo isso somado à uma corrupção desenfreada capitaneada por aqueles que deveriam trabalhar para evitar todo esse caos.

Com a educação também em xeque, resultado da má formação dos professores e a vil remuneração daqueles que, capacitados, ainda insistem em abraçar a nobre profissão de transmitir conhecimento de valor, você é um daqueles que faz parte do bloco dos “insatisfeitos”? Se vestiu a carapuça, preste atenção no que escrevo a seguir.

Dê-se por feliz em ter um emprego. Isso não significa que você deva estar eternamente conformado com sua condição atual, seja de muito trabalho e pouco reconhecimento financeiro, seja porque está fazendo o que não gosta. Se é esta a sua realidade, aproveite o fato de ter um salário e planeje-se para adquirir competências na área que você gostaria de atuar. Adquira disciplina e dedique-se à realização do seu sonho, seja qual for.

Não chore de barriga cheia. Aprenda a valorizar o que você tem ao invés de chorar pelo que não tem, ainda!

Reclamar de nada ajuda. Quanto mais você reclamar, mais resistência vai encontrar das pessoas ao seu redor, principalmente se você tem por hábito culpar a todos por tudo que ocorre de ruim dentro da organização e também com você. Isso na sua visão. Esse tipo de atitude pode revelar o seu verdadeiro “eu”: alguém que nunca está disposto a encontrar soluções, apenas enxerga problemas.

Conquiste seu próprio espaço. Se você não recebeu a promoção que desejava, não culpe seu chefe ou seus colegas por continuar onde está. Ao invés disso, procure entender como funciona a empresa, quais os critérios de ascensão e quais atitudes são valorizadas. Observe aquelas pessoas que tem uma história, dentro ou fora da empresa e busque inspiração nelas adequando à sua realidade.

Faça parte da nossa lista Vip!

Coloque seu email abaixo para ser avisado quando publicarmos novos artigos!

Faça um exame de consciência. Será que suas reclamações são justas? Você realmente retribui o que ganha com um serviço de qualidade e à altura da sua empresa e das expectativas que ela depositou em você? Será que seu tempo perdido em mails, celular e redes sociais não são os verdadeiros motivos de suas reclamações?

Seu patrão não é tão rico como você pensa. É comum reclamar que se faz muito e se ganha pouco. Também é comum comentários do tipo: “vê o carro dele”, “viajou de novo, tá rico e eu ganhando uma merreca”. Meu amigo, não queira estar na pele de seu patrão. Você não sabe, mas deveria saber pelo menos um pouco, das responsabilidades e dificuldades que ele tem para manter o negócio. Impostos, empréstimos, compromissos diários a pagar, seu salário no final do mês e ainda lidar com os abusos dos governos, sem contar ter que aturar reclamações diárias, muitas injustas.

Desde que você conheça a realidade de uma empresa e as dificuldades de se estabelecer e sobreviver numa país injusto como o Brasil, você aprenderá a valorizar o seu local de trabalho, tomará gosto por se qualificar e ser o melhor que pode no seu ofício. Isso não quer dizer que você não deva sonhar com uma possível mudança na sua carreira, mas não reclame sem justa razão.

Mais ainda, olhe à sua volta e veja se o seu trabalho é tão ruim mesmo. Atente para a foto desse post e aproveite para deixar seus comentários.

Sobre o autor

Iran Melo

Iran Melo

Iran Melo é Administrador de Empresas e MBA em Finanças/Controladoria, Responde pela Controladoria no Grupo Handara. Trajetória profissional construída em empresas como Mendes Júnior S/A, Souza Cruz, Votorantim, Prolane S/A, HandaraJeansWear, MR2 Menswear e Grupo Handara/Bemt (atual). Suas formações e especializações em Coaching, Mentoring e PNL, assim como sua expertise em Auditoria Empresarial conferem a ele as credenciais necessárias para disseminar e compartilhar o conhecimento e as boas práticas de gestão. Sua missão está fundamentada no compromisso em contribuir e inspirar pessoas a reconhecer e desenvolver suas habilidades em benefício de si mesmas e de outros através do amor, compaixão, integridade, ética, sabedoria e ausência de julgamento.

Deixe umComentário

Adicionar Comentário